THOUSANDS OF FREE BLOGGER TEMPLATES

abril 10, 2012

... quando o que diz

porquê?
palavra complicada
quando o que diz não se parece com nada.
porquê?
palavra matreira quando o que diz me deixa sem eira nem beira.
porquê?
palavra mais dura que um osso
quando o que diz me deixa nervoso.
porquê?
palavra gostosa
quando o que diz a boca me adoça.
porquê?
tem de haver sempre um porquê...?

11 comentários:

Pérola disse...

PORQUÊ?
Palavra sem resposta, na esmagadora maioria das vezes.
A sua colocação tem a ver com a nossa capacidade de raciocínio, para o agradável e para o indesejável.
Os passarinhos nunca se interrogam, já pensaste? Vivem até à exaustão e isso basta-lhes.
Não deixes que uma palavra te abale, outras encontrarás que te acalentarão.

Vento disse...

as palavras são "gente"!
sempre hão-de fazer-nos estremecer, por bem ou por mal.
interrogação é sinónimo de inteligência e sensibilidade.

"a idade dos porquês"..., lembras?!

é vida, sabedoria, amor [em qualquer das suas formas].

:))

Marly Bastos disse...

E o pior sr ponto e vírgula, é que por mais "porquês" se use, ou se explique, o que satisfaz mesmo é ouvir um "porquê sim!"
Por que tantos porquês?
Porque sim!
Um porquê simples...Mas a ortografia complicou os porquês!

Beijokas doces e uma semana maravilhosa.

Mona Lisa disse...

A vida é feita de porquês... o porquê da vida com seus pontos de pratida...pontos de chegada...

Há "porquês" que preferíamos não saber. MAGOAM !!!

Beijos.

Anónimo disse...

Existem certos " porquês" que seriam melhores não serem respondidos...nos bastaria imaginar as respostas.
E nem sempre a resposta nos satisfaz.
Excelente semana pra vc !

ponto e virgula disse...

caro(a) Anónimo,
não tendo outra forma de agradecer, retribuindo, o comentário que aqui regista, faço assim o agradecimento pela sua visita.




a...té

mfc disse...

Gosto de todos os porquês no amor...
É que ficam lá bem!!

Marta disse...

respostas sem resposta as do porquês!

Luna disse...

... a acreditar sempre num porque, em resposta:-D

Pérola disse...

Porquê?

Desnuda disse...

Amigo Sérgio,


Quando doce, basta.

Beijos com carinho